segunda-feira, 16 de abril de 2012

Campanha - Vivo - Conectados vivemos melhor

quinta-feira, 5 de abril de 2012

A criação de uma logo

Clique na imagem para abrir por inteiro

Imagem: Divulgação


Fonte:Criação Criativos

Artigo Externo - Estratégias criativas da Adidas japonesa

A marca, muito associada com o futebol, procura ganhar credibilidade e aumentar as vendas no mercado dos artigos de corrida

Imagem: Divulgação
Em Tóquio, os corredores de rua enfrentam um problema que deve existir em todas as grandes cidades do mundo. O local mais procurado por eles (no caso, o arborizado trajeto de cinco quilômetros em volta do Palácio Imperial) situa-se bem no centro da cidade, atraindo pessoas que moram longe, mas trabalham na região. Porém, falta um vestiário para se trocar e deixar bolsas quando bate aquela vontade de dar uma corrida antes da volta para casa. É aí que entra a “Runbase” da Adidas, localizada a alguns quarteirões dali e próxima a uma grande estação de metrô. Trata-se de uma loja que, além de oferecer uma grande variedade de calçados e confecções, disponibiliza um espaço em que se pode alugar um armário e tomar banho.

Também organiza eventos esportivos e os funcionários dão dicas de treinamento. É possível até mesmo alugar tênis de corrida por ¥ 100 o par, o mesmo preço de uma garrafa de água.
“Sempre me espanta ver gente, em dias bonitos, pegando o carro para ir à academia e correr na esteira,” comenta Dave Thomas, vice-presidente de marketing da marca alemã no Japão. “No momento, [a Runbase] só existe aqui, mas meus colegas do mundo todo estão demonstrando muito interesse. Quando vêm para cá, é uma das coisas que sempre querem ver”.

O país asiático é um dos cinco mercados mais importantes da Adidas, mas o que o distingue é o cliente sofisticado, exigente e ligado em tecnologia, fazendo dele o local ideal para testes com produtos e técnicas de marketing inovadoras. A TBWA/ Hakuhodo é a agência da Adidas no Japão.

Desbravando caminhos para a marca está Thomas, 40, que entrou na empresa ainda em seu país natal, a Austrália, há 14 anos, após uma (esta matéria continua aqui)